(Português) No Brasil, Dono da Igreja Universal Lidera Lista dos Pastores Evangélicos Mais Ricos do País

CAPITALISM, RELIGION, ORIGINAL LANGUAGES, 18 Feb 2013

Antonio Carlos Lacerda - Pravda

Famosa por seus rankings de milionários pelo mundo, a revista norte-americana “Forbes” publicou em seu site reportagem na qual lista os pastores evangélicos mais ricos do Brasil.

A lista é encabeçada de longe pelo líder da Igreja Universal do Reino de Deus, bispo Edir Macedo, com riqueza estimada em US$ 950 milhões (cerca de R$ 1,9 bilhão) e dono de empresas que incluem, entre outras, a Rede Record de Televisão, o jornal “Folha Universal” e uma gravadora de música gospel.

A assessoria da Universal diz que o valor é incorreto e que o patrimônio de Macedo não é público. “O patrimônio pessoal do bispo Macedo, como de qualquer cidadão que não exerce atividade como servidor ou agente público, não é questão que mereça publicidade”, afirmou, em nota, a assessoria da igreja.

Os valores citados no site da revista não são oficiais. As estimativas foram baseadas em informações publicadas na imprensa brasileira com dados do Ministério Público e da Polícia Federal.

“A religião sempre foi um negócio lucrativo. E se você for um pregador evangélico brasileiro, as chances de você encontrar uma mina de ouro são bem grandes”, diz trecho da reportagem.

Em segundo na lista de pastores abastados, a ‘Forbes’ coloca o apóstolo Valdemiro Santiago, líder da Igreja Mundial do Poder de Deus e dissidente da Universal, de onde saiu para fundar a sua própria vertente. Segundo a revista, sua fortuna soma US$ 220 milhões (R$ 450 milhões).

Logo atrás aparece Silas Malafaia (US$ 150 milhões, ou R$ 305 milhões), da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, R.R. Soares (US$ 125 milhões, ou R$ 255 milhões), da Igreja Internacional da Graça de Deus, e o casal Estevam e Sônia Hernandes (US$ 65 milhões, ou R$ 130 milhões), da Renascer em Cristo.

A revista destaca ainda o crescimento do número de evangélicos no Brasil — de 15,4% para 22,2% da população em uma década – e a popularização da teologia da prosperidade –movimento que prega o bem-estar material do homem–, adotada pela maior parte das religiões neopetencostais.

Segundo a reportagem, muitos jovens no Brasil sonham em se tornar um pregador evangélico de olho não só no dinheiro que a atividade pode proporcionar, mas também no prestígio. Como exemplo, a ‘Forbes’ lembra que recentemente o governo concedeu passaportes diplomáticos a líderes evangélicos e que muitos são cortejados por candidatos durante o período eleitoral.

“Como a Bíblia diz, fé move montanhas. E dinheiro também”, conclui a reportagem.

Procurada, a Universal considerou preconceituoso o tom que o texto adota contra as igrejas evangélicas.

Por meio de nota, Malafaia também criticou a reportagem e disse que entrará com medida judicial contra a revista. “Tudo o que tenho de patrimônio pessoal e renda, estão declarados na Receita Federal”, afirmou. Ele nega que os milhões atribuídos a ele pela revista estejam corretos e ainda diz que a reportagem é “safadeza”. Os demais citados na reportagem não retornaram ou não foram encontrados.

A seguir, os cinco pastores evangélicos mais ricos do Brasil.

1 – Edir Macedo, Igreja Universal do Reino de Deus, tem uma fortuna estimada em R$1.900 Bilhão

2 – Waldemiro Santiago, Igreja Mundial do Poder de Deus, tem uma fortuna estimada em R$450 Milhões

3 – Silas Malafaia, Assembleia de Deus Vitoria em Cristo, tem uma fortuna estimada em R$305 Milhões

4 – R.R.Soares, Igreja Internacional da Graça de Deus, tem uma fortuna estima em R$255 Milhões

5 – Estevam e Sonia Ernandes, Igreja Renascer em Cristo, têm uma fortuna estima em R$130 Milhões.

_______________________

Antonio Carlos Lacerda é correspondente internacional do Pravda no Brasil.

Go to Original – pravda.ru

 

Share this article:


DISCLAIMER: The statements, views and opinions expressed in pieces republished here are solely those of the authors and do not necessarily represent those of TMS. In accordance with title 17 U.S.C. section 107, this material is distributed without profit to those who have expressed a prior interest in receiving the included information for research and educational purposes. TMS has no affiliation whatsoever with the originator of this article nor is TMS endorsed or sponsored by the originator. “GO TO ORIGINAL” links are provided as a convenience to our readers and allow for verification of authenticity. However, as originating pages are often updated by their originating host sites, the versions posted may not match the versions our readers view when clicking the “GO TO ORIGINAL” links. This site contains copyrighted material the use of which has not always been specifically authorized by the copyright owner. We are making such material available in our efforts to advance understanding of environmental, political, human rights, economic, democracy, scientific, and social justice issues, etc. We believe this constitutes a ‘fair use’ of any such copyrighted material as provided for in section 107 of the US Copyright Law. In accordance with Title 17 U.S.C. Section 107, the material on this site is distributed without profit to those who have expressed a prior interest in receiving the included information for research and educational purposes. For more information go to: http://www.law.cornell.edu/uscode/17/107.shtml. If you wish to use copyrighted material from this site for purposes of your own that go beyond ‘fair use’, you must obtain permission from the copyright owner.


Comments are closed.