(Português) Segundo estudo da Comissão Europeia, a dieta vegetariana é mais benéfica para o meio ambiente

IN ORIGINAL LANGUAGES, 8 Oct 2018

David Arioch | Vegazeta – TRANSCEND Media Service

De acordo com o trabalho, uma dieta vegetariana requer cinco vezes menos água do que uma dieta padrão (que inclui o consumo de carne).

O trabalho informa que uma dieta vegetariana é mais sustentável porque reduz de forma consistente o desperdício de recursos hídricos. (Foto: Divulgação)

2 out 2018 – Um estudo intitulado “Nature Sustainability”, realizado pela Comissão Europeia e publicado pela Nature Research no mês passado, informa que o consumo de carne incorre em mais desperdícios de recursos naturais e menos economia desses recursos mesmo em uma dieta considerada saudável. Segundo o trabalho, uma dieta vegetariana requer cinco vezes menos água do que uma dieta padrão (que inclui o consumo de carne) e que é qualificada como saudável.

A pesquisa foi coordenada pelo Centro Comum de Investigação, que realiza investigações que fundamentam as políticas da União Europeia oferecendo aconselhamento científico independente baseado em dados concretos. O trabalho enfatiza que uma dieta vegetariana é mais sustentável porque reduz de forma consistente o desperdício de recursos hídricos.

Segundo o estudo, o conceito de pegada hídrica tem sido reconhecido como sendo altamente valioso para aumentar a conscientização sobre a grande quantidade de recursos necessários para produzir os alimentos que consumimos. Em uma dieta vegetariana a economia de recursos hídricos pode chegar a 55%, conforme os dados do Centro Comum de Investigação.

O trabalho considerou o impacto da dieta onívora padrão (que inclui alimentos de origem animal), dieta pescetariana e dieta vegetariana. A terceira levou vantagem sobre as outras duas em todos os aspectos – mesmo quando as dietas com carnes, ovos e laticínios são promovidas como saudáveis. O que prova que uma dieta baseada em alimentos de origem animal nunca é a melhor para o meio ambiente.

_____________________________________________

David Arioch é Jornalista profissional, historiador e especialista em jornalismo cultural, histórico e literário.

 

 

Go to Original – vegazeta.com.br

 

Share this article:


DISCLAIMER: In accordance with title 17 U.S.C. section 107, this material is distributed without profit to those who have expressed a prior interest in receiving the included information for research and educational purposes. TMS has no affiliation whatsoever with the originator of this article nor is TMS endorsed or sponsored by the originator. “GO TO ORIGINAL” links are provided as a convenience to our readers and allow for verification of authenticity. However, as originating pages are often updated by their originating host sites, the versions posted may not match the versions our readers view when clicking the “GO TO ORIGINAL” links. This site contains copyrighted material the use of which has not always been specifically authorized by the copyright owner. We are making such material available in our efforts to advance understanding of environmental, political, human rights, economic, democracy, scientific, and social justice issues, etc. We believe this constitutes a ‘fair use’ of any such copyrighted material as provided for in section 107 of the US Copyright Law. In accordance with Title 17 U.S.C. Section 107, the material on this site is distributed without profit to those who have expressed a prior interest in receiving the included information for research and educational purposes. For more information go to: http://www.law.cornell.edu/uscode/17/107.shtml. If you wish to use copyrighted material from this site for purposes of your own that go beyond ‘fair use’, you must obtain permission from the copyright owner.


There are no comments so far.

Join the discussion!

We welcome debate and dissent, but personal — ad hominem — attacks (on authors, other users or any individual), abuse and defamatory language will not be tolerated. Nor will we tolerate attempts to deliberately disrupt discussions. We aim to maintain an inviting space to focus on intelligent interactions and debates.

*

code

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.