(Português) Joaquin Phoenix produz documentário sobre a senciência dos porcos

ORIGINAL LANGUAGES, 2 Mar 2020

ANDA Agência de Notícias de Direitos Animais – TRANSCEND Media Service

Divulgação

O documentário foi lançado no último domingo (23 fev) em Berlim, na Alemanha.

O veganismo e o reconhecimento dos direitos animais acompanham a vida de Joaquin Phoenix desde que ele tinha apenas três anos de idade. Hoje, com 45 anos, o ator e ativista é um dos principais nomes da defesa da causa animal em todo o mundo e isso ficou simbolicamente comprovado durante seu discurso na premiação do Oscar criticando a exploração animal para consumo humano. A palavras de Phoenix reverberaram em todo o mundo e inspiraram pessoas a adotarem um estilo de vida livre de crueldade contra animais.

Ativo em manifestações e vigílias, recentemente o ator atuou como produtor executivo de um novo documentário, “Gunda”, que explora a sensibilidade, senciência e complexidade emocional dos porcos, uma das principais vítimas da indústria agropecuária. Apenas no Brasil, um porco é morto por segundo. Dados da Animal Ethics apontam que cerca de 23 milhões de porcos são condenados à morte semanalmente em todo o mundo. Reino Unido, China, União Europeia e Estados Unidos são os principais consumidores.

Reprodução

“Gunda” é uma criação do premiado cineasta russo Victor Kossakovsky e aborda a vida de um porquinho e seus três companheiros em uma fazenda: duas vacas e uma galinha especial que tem apenas uma perna. O objetivo do longa é proporcionar uma visão realistas sobre a relação entre seres humanos e animais tradicionalmente conhecidos como “de fazenda”. Kossakovsky também é autor do documentário “Aquarela”, que analisou o volume e massas de água em todo o mundo, como lagos congelados e cachoeiras.

Em uma entrevista à revista Screen Daily, Phoenix contou que ficou tocado com a produção do documentário. “Gunda é uma perspectiva fascinante sobre a senciência presente nos animais não humanos, normalmente, e talvez propositalmente, escondida da nossa visão. Orgulho, reverência, diversão, felicidade, a curiosidade de um porco, seu pânico, desespero e derrota diante de truques cruéis são confirmações que os animais reagem e lidam com as mesmas emoções que nós”, afirmou.

Reprodução

____________________________________________

ANDA–Agência de Notícias de Direitos Animais: informar para transformar. A ANDA difunde na mídia os valores de uma nova cultura, mais ética, mais justa e preocupada com a defesa e a garantia dos direitos animais. É o primeiro portal jornalístico do mundo que combate a violência social e a destruição do meio ambiente a partir da defesa dos direitos dos animais. Contato: faleconosco@anda.jor.br

Go to Original – anda.jor.br


Tags: ,

 

Share this article:


DISCLAIMER: The statements, views and opinions expressed in pieces republished here are solely those of the authors and do not necessarily represent those of TMS. In accordance with title 17 U.S.C. section 107, this material is distributed without profit to those who have expressed a prior interest in receiving the included information for research and educational purposes. TMS has no affiliation whatsoever with the originator of this article nor is TMS endorsed or sponsored by the originator. “GO TO ORIGINAL” links are provided as a convenience to our readers and allow for verification of authenticity. However, as originating pages are often updated by their originating host sites, the versions posted may not match the versions our readers view when clicking the “GO TO ORIGINAL” links. This site contains copyrighted material the use of which has not always been specifically authorized by the copyright owner. We are making such material available in our efforts to advance understanding of environmental, political, human rights, economic, democracy, scientific, and social justice issues, etc. We believe this constitutes a ‘fair use’ of any such copyrighted material as provided for in section 107 of the US Copyright Law. In accordance with Title 17 U.S.C. Section 107, the material on this site is distributed without profit to those who have expressed a prior interest in receiving the included information for research and educational purposes. For more information go to: http://www.law.cornell.edu/uscode/17/107.shtml. If you wish to use copyrighted material from this site for purposes of your own that go beyond ‘fair use’, you must obtain permission from the copyright owner.


Comments are closed.